Amor Fraterno

 

anjos sem asas

O amor é esse sentimento que faz morada no coração da gente

E com jeito dengoso abraça a alma.

Sem que percebamos, ele nos ensina uma porção de coisas

Que acabamos por fazer, sem nos darmos conta:

 

Aquela vontade de ver feliz a pessoa que amamos

E tanto com ela nos preocupamos

Que até esquecemos o sono.

E quando essa pessoa decide partir

Por razões de bem querer

Nosso coração fica despedaçado

De saudade, apertado

E ainda, assim, sorri.

 

Aparecida Dias

Anúncios

Pulsante

chuva

 

Hoje, meu anjo brincou de hidroperaltice

Peneirou água no meu coração

E fez chover, nos meus olhos, a saudade do teu olhar

Lavou a tristeza teimosa e chorosa

Que inventou de fazer ninho

Nas frestas rasgadas do meu peito

 

Fecha, anjo molhado, essa porta

deita fora essa chave

Pois é o único jeito

Acalma essa tonta

E sai de mansinho

Deixa costurado e remendado

Esse coração se refazer sozinho

 

Mas antes da partida

Sobra bem leve

Porque beijo de anjo

Cura ferida.

Anjo Protetor

ftw-940x-twins-dancing

 

Dá-me tua mão e afaga a minha alma

Estou com medo

Ampara-me nesse momento de insegurança

Cuida dos meus sonhos guardados em caixas de segredos

Fala-me com doçura, pois tua voz me acalma

Sorri  a luz que irradias a cada sorriso teu

Dá-me a tua mão, anjo meu

E teça comigo um par de asas.

O mundo é vasto, eu  já desconfiei

Mesmo que ainda eu não tenha caminhado o suficiente para sabê-lo.

Abraça-me. Quero voar

Quero olhar com olhos de ver e de sentir

Quero sorrir

Anjo camarada não me esconde nada.

Grande também é a dor, eu sei

Tantas vezes machuquei esse meu coração desprotegido

E mesmo sem saber o motivo, chorei.

Vieste tu, anjo adorado

Destinado a proteger-me

Então, ensina-me as coisas abstratas

Para que eu possa saber aonde pousar os meus sonhos

E reaprender a viver

Anjo, doce anjo meu

Desenha um caminho nessa montanha de ilusões

Pinta comigo uma aquarela

E colore as sombras que deixei.

Viver é um desafio

É teia de fino fio que nos pomos a construir

E só tu, anjo sem asas

Sabes desfazer com calma

O laço que se envolveu em embaraços.

Anjo de luz

É tua missão

Dá-me a tua mão.

 

Aparecida Dias