RECADO

Vaso de Flores , 1929

O que me dizem as flores

que generosas, são –me ofertadas?

Dizem tanto em silêncio…

Que por um momento fico extasiada.

Depois de mansinho, com um jeito apaixonado,

Revelam que só vieram trazer

Beijos do meu namorado.

(Aparecida Dias)

Imagem: Vaso de flores – Di Cavalcante.

Anúncios

Sinfonia

PÉS

Qual é a cor desta nota

nesta música que tocas?

Saboreias as palavras

a cantar a poesia

nos versos contida!

Este tom tem tanta magia

verso a verso a desfilar…

Pousas teus olhos a descansar

Nas pausas marcadas com maestria.

 

Também eu costuro poemas

Nas saias bordadas da vida

Para dançar junto às cores

Que tu cantas em poesia.

Aparecida Dias

Encontro

para usar mãos dadas

No espelho d’água de um lago de sonhos

Meus olhos veem a imagem tua

a misturar com o brilho da lua.

Este lago é testemunha

do amor que vivemos

No tapete verde iluminado

Entre as flores e o gramado

O encontro que tivemos.

 

Teus olhos cheio de encantos

A ler o brilho dos olhos meus

Revelaram desejos tantos

Nascidos em tempos distantes

a procura de tu e eu.

 

Beijando  água, a luz

que o céu despejava

Refletiu no lago prateado

a imagem de dois namorados

a caminhar absortos

De tal forma protegidos

Um dentro da mão do outro.

 

Aparecida Dias