A madrugada é tua

Sozinha, perdida em pensamentos, na madrugada vazia e silenciosa, vejo teus olhos a me sorrir.

Ouço tua voz a cantar

Canções de Pedro Abrunhosa.

Deixo um sorriso escapar pelo canto da minha boca, no mesmo instante em que uma lágrima rola na face  já fria pelo vento que sopra.

Meu coração está saudoso, mas a minha alma continua alegre.

O teu sorriso ainda está largo, alvo e gracioso a dançar em minha lembrança.

Fecho os olhos pra sentir mais perto esse carinho que vem de longe, não sei como, mas ele chega.

Ele chega até mim e me inunda de alegria

Estou tomada de emoção.

Um misto de amor e saudade .

Uma vontade de sair a cantar, a dançar  com as estrelas, a molhar na chuva…

Canta , pois teu canto me encanta

Teu sorriso me acalma

Tua voz me seduz…

E a despir-me, calmamente, ponho-me a te olhar…

Teu olhar… teu olhar que continua a me vigiar…

E os lençóis com ciúmes de ti

Deslizam sob o caramelo da minha pele

E o doce sabor de mel eu guardo para quem?

A doce flor do amor

O suave perfume dos lírios do campo?

Recolhem-se num breve segundo

Sob teu olhar

Malicioso olhar…

Estende tuas mãos, que alcançam as minhas

Levanta meu corpo ocioso e faminto

Alimenta minha alma com um beijo teu

E coloca-me dormir no teu colo.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s